Browsing: Palavra do Educador

 Cátia Ronsani Castro * “Tá vendo aquele colégio moço? Eu também trabalhei lá Lá eu quase me arrebento Pus a massa fiz cimento Ajudei a rebocar Minha filha inocente Vem pra mim toda contente Pai vou me matricular Mas me diz um cidadão Criança de pé no chão Aqui não pode estudar (…)” (Música Cidadão, Zé Geraldo) Desde o anúncio da implantação do Colégio Militar em Foz do Iguaçu, no ano de 2018, uma grande expectativa foi gerada entre pais, mães e estudantes de todas as classes sociais da fronteira. Acreditamos que esta expectativa foi criada justamente pela fama de…

Mordaças no processo educativo são temas de audiência pública nesta sexta-feira, em Foz Danielli Ovsiany Becker O projeto de lei n° 193/16, mais conhecido como “Escola Sem Partido” ou “Lei da Mordaça”, foi apresentado à Câmara dos Deputados pelo senador Magno Malta (PR/ES). Nunca na história do Brasil tivemos uma bancada legislativa tão conservadora como a que foi eleita no pleito de 2014, o que acarretou um retrocesso sem precedentes nas parcas políticas progressistas, formuladas até então, relacionadas às diversidades. Mesmo tendo sido retirado de tramitação no Senado Federal, pelo próprio senador Magno Malta, após receber um pedido do Movimento…

Aline Torres Mais um episódio de racismo e intolerância, no dia 09 de novembro, marcou a cidade plural de Foz do Iguaçu. Sim, eu sei que todo mundo comentou o acontecido. Então, para que continuar falando sobre tema?. Um senhor, já conhecido no bairro Vila “C” diz ter jogado veneno em um grupo de crianças uniformizadas, que ensaiavam maracatu numa praça pública do bairro. Ele tentou se retratar publicamente, afirmando que era água e não veneno o que ele jogou nos estudantes. O que para mim não muda nada, pois no vídeo vemos e ouvimos ele falar que era veneno,…

Danielli Ovsiany Becker O projeto de lei 193/16, mais conhecido como “Escola sem Partido” ou “Lei da Mordaça”, foi apresentado ao Congresso Nacional pelo Senador, fundamentalista, Magno Malta (PR/ES). Destaco a palavra fundamentalista por um único motivo: a necessidade da separação do Estado e da religião, pois nunca na história do Brasil tivemos uma bancada legislativa tão conservadora como a que foi eleita no pleito de 2014, o que acarretou um retrocesso sem precedentes nas parcas políticas progressistas, formuladas até então, relacionadas às diversidades. Antes de discorrer sobre o PL e suas consequências, enfatizo a precariedade da educação pública brasileira,…

Mudanças afetarão cerca de 4 mil estudantes em Foz e região Greici Pereira  As mudanças indicadas para 2018 na Educação de Jovens e Adultos, nas modalidades ofertadas pela rede estadual, APED’s, escolas que oferecem EJA e nos CEEBJA’s, não correspondem às mudanças discutidas e/ou solicitadas pela comunidade escolar. O Governo do Paraná mais uma vez é arbitrário e se utiliza do princípio economicista na educação pública. Para tanto, pretende ofertar parte do currículo da EJA, que hoje é inteiramente presencial, no formato à distância. Sob o título de “atividades dirigidas”, 30% das atividades serão à distância (estas serão elaboradas e…

Estado de Greve? Sim, o estado é grave. É preciso reorganizar a resistência entre os educadores. Cátia Ronsani Castro Estado de Greve foi a proposta aprovada na assembleia regional dos educadores de Foz do Iguaçu, no último dia 18 de junho, e será defendida pelos educadores deste núcleo, na assembléia estadual da categoria, no próximo dia 25. O Estado de Greve é o período que teremos para reorganizarmos a resistência dos educadores paranaenses e dar um aviso ao governo. O cenário é grave, tanto em nível estadual como federal. No Paraná, a dívida que o Governador Beto Richa tem com…

1 2