Convocação: ato público no desfile de 7 de setembro em Foz

0

Mobilização pela educação pede punição aos envolvidos em desvio de verbas da construção de escolas

Nesta quinta-feira (07), educadores/as, estudantes e ativistas dos movimentos sociais e sindicais realizam ato público durante o desfile da Independência, na avenida Paraná, em Foz do Iguaçu. A concentração será a partir das 09 horas, em frente à casa de shows Ono. Toda a comunidade pode participar do movimento.

A mobilização é em defesa da educação, dos direitos sociais e trabalhistas e por punição aos envolvidos no desvio de verbas destinadas a construção de escolas no Paraná, investigados pela Operação Quadro Negro. O objetivo é denunciar a corrupção e os efeitos perversos das reformas da Previdência, trabalhista e do ensino médio, assim como os constantes ataques dos governos contra a escola pública.

AAA

Arcângelo Nandi, em Santa Terezinha, um das escolas que não foram terminadas devido à corrupção no Paraná

O protesto vai exigir punição exemplar aos políticos, empresários e agentes públicos responsáveis pelo desvio de R$ 20 milhões das obras de escolas em todo o Paraná. Conforme denúncias tornadas públicas recentemente, o governador Beto Richa (PSDB) teria sido o principal beneficiário do esquema investigado pela Operação Quadro Negro.

Recursos pagos indevidamente à construtora Valor por obras de escolas que jamais saíram do alicerce teriam irrigado a campanha de reeleição de Richa e até pagado uma viagem de sua família ao Caribe. A investigação aponta o envolvimento do chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni (PSDB), do presidente da Assembleia Legislativa, Ademar Traiano (PSDB) e do ministro da Saúde, Ricardo Barros (PP), entre vários outros.

SAIBA MAIS sobre o desvio de recursos da construção de escolas do Paraná

Share.

Leave A Reply